Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente

Postagens

Prevenção da Mortalidade Materna por Hipertensão

29 jul 2021

Na abordagem da hipertensão na gestação é fundamental:

  • Identificar os problemas localmente
  • Criar uma rede de apoio E capacitar cada local
  • Fornecer condições para assistência
  • Disseminar conhecimento sobre o problema também para a população

 

Conteúdo Relacionado

 

Referências citadas:

  • Pré-eclâmpsia nos seus diversos aspectos. — São Paulo: Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO), 2017.
  • Sass & Oliveira. Obstetrícia. 1ª ed. Guanabara Koogan. 2013
  • WHO. News. Maternal deaths decline slowly with vast inequalities worldwide. Disponível em: <https://www.who.int/news/item/19-09-2019-maternal-deaths-decline-slowly-with-vast-inequalities-worldwide> 19 Set. 2019
  • BRASIL. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Análise em Saúde e Vigilância das Doenças Não Transmissíveis (DASNT). Disponível em: <http://svs.aids.gov.br/dantps/>
  • Magee L.A., von Dadelszen P., Rey E., Ross S., Asztalos E., Murphy K.E., Menzies J., Sanchez J., Singer J., Gafni A., et al. // N Engl J Med. 2015. V. 372. № 5. P. 407–417.http://dx.doi.org/10.1056/NEJMoa1404595
  • ACOG Practice Bulletin No. 202: Gestational Hypertension and Preeclampsia. Obstet Gynecol. 2019 Jan;133(1):1. doi: 10.1097/AOG.0000000000003018. PMID: 30575675.
  • Henderson JT, Whitlock EP, O’Connor E, Senger CA, Thompson JH, Rowland MG. Low-dose aspirin for prevention of morbidity and mortality from preeclampsia: a systematic evidence review for the U.S. Preventive Services Task Force. Ann Intern Med. 2014 May 20;160(10):695-703. doi: 10.7326/M13-2844. PMID: 24711050.
  • Hofmeyr GJ, Lawrie TA, Atallah ÁN, Duley L, Torloni MR. Calcium supplementation during pregnancy for preventing hypertensive disorders and related problems. Cochrane Database of Systematic Reviews 2014, Issue 6. Art. No.: CD001059. DOI: 10.1002/14651858.CD001059.pub4.
  • Shields L.E., Wiesner S., Klein C., Pelletreau B., Hedriana H.L. // American Journal of Obstetrics and Gynecology. 2017. V. 216. № 4. P. 415.e1-415.e5.http://dx.doi.org/10.1016/j.ajog.2017.01.008

 

Tags: Mortalidade Materna