Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente

Postagens

Violência contra as mulheres: o que podem fazer os profissionais de saúde?

6 mar 2018

“A violência contra as mulheres é problema de todos e todas. E nós, como profissionais de saúde, temos um importante papel na atenção, cuidado, prevenção e enfrentamento desse tipo de violência que atinge a vida de milhares de mulheres e meninas todos os dias”. Alessandra Guedes – Assessora regional da Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) para violência familiar

É necessário promover espaços para que os profissionais de saúde possam trocar experiências e percepções, além de sensibilização e de capacitação continuada, desenvolvimento de processos de auto avaliação individual e da equipe, considerando os limites e potencialidades de cada um.

Referências citadas

  1. Atenção integral à saúde de mulheres em situação de violência de gênero: uma alternativa para a atenção primária em saúde
    D’OLIVEIRA, Ana Flávia Pires Lucas et al . Atenção integral à saúde de mulheres em situação de violência de gênero: uma alternativa para a atenção primária em saúde. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro , v. 14, n. 4, p. 1037-1050, ago. 2009 .
  2. Mulheres em situação de violência: entre rotas críticas e redes intersetoriais de atenção
    D’OLIVEIRA, Ana Flávia Pires Lucas; SCHRAIBER, Lilia Blima. Mulheres em situação de violência: entre rotas críticas e redes intersetoriais de atenção. Revista de Medicina, São Paulo, v. 92, n. 2, p. 134-140, june 2013. ISSN 1679-9836.
  3. Violência e gênero: novas propostas, velhos dilemas
    DEBERT, Guita Grin; GREGORI, Maria Filomena. Violência e gênero: novas propostas, velhos dilemas. Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 23, n. 66, p. 165-211, 2008.
  4. A vagina-escola: seminário interdisciplinar sobre violência contra a mulher no ensino das profissões de saúde
    DINIZ, Carmen Simone Grilo et al . A vagina-escola: seminário interdisciplinar sobre violência contra a mulher no ensino das profissões de saúde. Interface (Botucatu), Botucatu , v. 20, n. 56, p. 253-259, Mar. 2016.
  5. Violência sexual contra mulheres no Brasil: conquistas e desafios do setor saúde na década de 2000
    LIMA, Claudia Araújo de; DESLANDES, Suely Ferreira. Violência sexual contra mulheres no Brasil: conquistas e desafios do setor saúde na década de 2000. Saude soc., São Paulo , v. 23, n. 3, p. 787-800, Sept. 2014.
  6. Medo e vergonha como barreiras para superar a violência doméstica de gênero
    TERRA, Maria Fernanda; D´OLIVEIRA, Ana Flávia Pires Lucas; SCHRAIBER, Lilia Blima. Medo e vergonha como barreiras para superar a violência doméstica de gênero. Athenea Digital. Revista de pensamiento e investigación social, [S.l.], v. 15, n. 3, p. 109-125, nov. 2015. ISSN 1578-8946.
  7. Violência sexual por parceiro íntimo entre homens e mulheres no Brasil urbano
    SCHRAIBER, Lilia Blima; D’OLIVEIRA, Ana Flávia P L; FRANCA JUNIOR, Ivan. Violência sexual por parceiro íntimo entre homens e mulheres no Brasil urbano, 2005. Rev. Saúde Pública, São Paulo , v. 42, supl. 1, p. 127-137, June 2008.
  8. A violência contra mulheres: demandas espontâneas e busca ativa em unidade básica de saúde
    SCHRAIBER, Lilia B. et al . A violência contra mulheres: demandas espontâneas e busca ativa em unidade básica de saúde. Saude soc., São Paulo , v. 9, n. 1-2, p. 3-15, Dec. 2000.
  9. Feminicídios: conceitos, tipos e cenários
    MENEGHEL, Stela Nazareth; PORTELLA, Ana Paula. Feminicídios: conceitos, tipos e cenários. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro , v. 22, n. 9, p. 3077-3086, Sept. 2017.
  10. Violência Física Perpetrada por Ciúmes no Namoro de Adolescentes: Um recorte de Gênero em Dez Capitais Brasileiras
    OLIVEIRA, Queiti Batista Moreira et al. Violência Física Perpetrada por Ciúmes no Namoro de Adolescentes: Um recorte de Gênero em Dez Capitais Brasileiras. Psicologia: teoria e pesquisa, v. 32, n. 3, 2017.
  11. Prevenção e tratamento dos agravos resultantes da violência sexual contra mulheres e adolescentes : norma técnica
    Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Prevenção e tratamento dos agravos resultantes da violência sexual contra mulheres e adolescentes : norma técnica / Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. – 3. ed. atual. e ampl., 2. reimpr. – Brasília : Ministério da Saúde, 2014. 124 p. : il. – (Série Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos ; Caderno n. 6)