Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente

Postagens

Estratégias Farmacológicas para Controle da Dor e do Estresse na Intubação Traqueal

30 maio 2019

Reconhecer, avaliar, reduzir e tratar a dor são aspectos importantes no dia-a-dia de uma UTI neonatal. A dor acompanha, com frequência, diversas terapias e procedimentos invasivos empregados na assistência aos recém-nascidos de risco. A intubação traqueal (IT) é um destes procedimentos, pois apresenta riscos deletérios à saúde do neonato e está associada à dor e ao desconforto.

Como planejar uma intubação traqueal segura? Recomendações gerais:

  • Preparo da equipe, equipamentos e medicações
  • Monitoramento contínuo do recém-nascido (SatO2, FC, PA)
  • Equipe treinada em ventilação com balão e máscara
  • Equipe ciente sobre os efeitos da laringoscopia e da intubação traqueal, além dos riscos e benefícios das pré-medicações.
  • Presença de protocolos escritos com lista de medicamentos
  • Monitoramento de adesão aos protocolos – indicadores de qualidade
  • Toda intubação traqueal (IT) deve ser realizada ou supervisionada por profissional treinado
  • Pré-medicação deve ser utilizada em todas IT eletivas
  • Com medicamentos de início rápido e curta duração de ação
  • Analgésicos devem ser sempre administrados
  • Vagolíticos e relaxantes musculares devem ser considerados
  • Sedativos não devem ser utilizados no RN prematuro e o uso isolado (sem agentes analgésicos) deve ser evitado.
  • Relaxante muscular sem um agente analgésico não deve ser usado.

Estratégias para utilização da pré-medicação na intubação traqueal eletiva do recém-nascido

  • Avaliar a prática local vigente
  • Conhecer as medicações utilizadas e disponíveis
  • Esclarecer a equipe quanto aos benefícios e riscos da estratégia
  • Identificar o melhor regime de medicamentos para cada unidade, com o conhecimento dos possíveis efeitos colaterais e dos métodos disponíveis para a sua reversão.
  • Desenvolver e dispor de protocolos escritos nas unidades neonatais
  • Implantar a educação continuada de toda equipe

 

Referências citadas

 

Conteúdo Relacionado