Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente

Postagens

Persistência do Canal Arterial (PCA) em recém-nascidos pré-termo: diagnóstico e tratamento

26 abr 2018

A Persistência do Canal Arterial é frequente em recém-nascidos prematuros e está associada a morbidades importantes. Parâmetros ecocardiográficos associados a critérios clínicos devem ser utilizados para melhor selecionar os pacientes que potencialmente podem se beneficiar do tratamento da Persistência do Canal Arterial.


Download da apresentação em: <https://www.arca.fiocruz.br/handle/icict/30197>

 

Conteúdo relacionado

Encontro com o Especialista  Fernando Martins (médico neonatologista), realizado em 29/03/2018, sobre Abordagem da Persistência do Canal Arterial em Recém-nascidos Pré-termo:

 

Referências citadas

 

 

 

 

Como citar

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ. Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira. Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente. Postagens: Persistência do Canal Arterial (PCA) em recém-nascidos pré-termo: diagnóstico e tratamento. Rio de Janeiro, 2018. Disponível em: <https://portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br/atencao-recem-nascido/persistencia-do-canal-arterial-pca-em-recem-nascidos-pre-termo-diagnostico-e-tratamento/>.

 

Tags: Novembro Roxo Prematuridade